NotíciasPolítica

Após denunciar a riqueza de Lula, Ciro Gomes agora ataca juiz Sérgio Moro

Powered by Rock Convert

3f0f99cda4f622989340-foto

3f0f99cda4f622989340-foto

 

 

O ex-ministro Ciro Gomes, publicou na noite desta sexta-feira (4) através do Facebook,  que o juiz Sérgio Moro é inimigo do Brasil. Foi uma virada de atitude e tanto de Ciro, afinal ele se beneficiou do comportamento não republicano de Lula, para alavancar seu prestígio, tanto que virou o presidente da Transnordestina, não se importando de ocupar o cargo após ter liberado R$ 3 bilhões como ministro da Integração.

 

Feliz da vida como executivo, e ganhando muito bem, como revelou nesta sexta na radio Tupinambá de Sobral, Ciro recebeu os duros recados da presidente Dilma no jantar do PDT na noite de terça no Alvorada e mudou rápido de comportamento.

 

Não quer perder o emprego onde ganha R$ 250 mil por mês. Assim, no seu face disparou contra Moro:” Essa Justiça que quer prender Lula?Estão totalmente desmoralizados. Vai ter resistência.# Lula Estamos com vc”.

 

Essa dubiedade política de Ciro comprova que a coerência não é e nem foi o seu forte. Ao entrar em rota de confronto com Sergio Moro para defender Lula, Ciro quer ser candidato a presidente do Brasil com o apoio de Lula e do PT.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ciro Gomes

 

Há tempos venho discordando de Lula, de sua forma de fazer alianças políticas e de muitas imprudências que tem cometido. Numa república e, especialmente, numa democracia, ninguém está acima da Lei e todos devemos satisfação de nossos atos às autoridades e ao Estado de Direito Democrático . Isto digo para registrar minha completa estranheza à forma com que o ex presidente foi levado hoje às primeiras horas da manhã, à força, pela policia federal por ordem de um juiz singular . Isto está errado! a condução coercitiva ( à força ) só cabe quando o cidadão recusa-se a atender convocação legítima de autoridade legalmente correta. Definitivamente não é o caso! Minha consciência não me permite me omitir diante desta violência contra o direito e a cidadania. O ódio que está se agigantando no Brasil não nos deve retirar o compromisso com a democracia, seus valores e seus ritos

 

Informações Ceara News

 

 

About Author

Comment here