CamocimNotíciasPoliciaPolítica

Áudio – esposa de trabalhador denuncia Nabla por atraso de 2 meses no pagamento de servidores (Camocim)

Powered by Rock Convert

 

 

Segundo a dona de casa, o Ministério do Trabalho  não fez nada por falta de contatos da empresa.

 

A empresa Nabla Engenharia, responsável pela obra de ampliação do sistema de abastecimento de água de Camocim, está há dois meses sem efetuar o pagamento salarial dos trabalhadores

 

A esposa de um dos servidores da obra, informou ao blog, através de áudio, que  chegou a  protocolar uma reclamação na Ouvidoria do Município, mas que até o momento nenhuma providência foi tomada.

 

Ela conta que recorreu ao Ministério do Trabalho, e que o órgão nada  fazer devido a  falta dos contatos do proprietário da empresa e devido a inoperância dos números telefônicos informados  no site da construtora. “Um dos contatos dava engano e o outro é como se não existisse”, disse a dona de casa, que pediu para não ser identificada.

 

Os trabalhadores paralisaram as atividades. Conforme a denuncia, a gerência da empresa tem ameaçado expulsar por justa  causa os servidores que vierem a denunciar o atraso, que tornou-se corriqueiro.

 

” Ficaram de pagar na semana retrasada. E até agora não saiu nada. Tem pais de famílias de outras cidades passando necessidade”, lamentou

 

Confira o áudio.

 

A empresa está trabalhando com um orçamento estimado em mais de 16 milhões de reais, oriundos do Governo Federal, no entanto, tem trabalhado sem a minima transparência com relação ao atraso salarial dos trabalhadores.

 

Alfinetada

 

A Ouvidoria da Prefeitura não fez nada, e nem vai fazer, por que protege a empresa. É contra os trabalhadores. Já o Ministério do Trabalho deve ter sido por preguiça mesmo!, pois, aonde já se viu, não fazer nada por falta de contatos telefônicos? Isso não existe. Basta um dos  servidores levantar a pança preguiçosa do escritório para ir até o SAAE ou até mesmo na prefeitura e conseguir  os contatos dessa empresa

 

Então,se não fez nada é porque não quis!, e se não vai fazer é porque não quer!, pois não se importam com os trabalhadores pobres e sofridos do município. Podem estar sendo coniventes com essa falta de vergonha da empresa Nabla.

 

Carlos Jardel

About Author

Comment here