CAMOCIM-CE: POLÍCIA CIVIL DEFLAGRA OPERAÇÃO, PRENDE DOIS ADULTOS E APREENDE UM MENOR ACUSADOS DE TRÁFICO DE DROGAS E POSSE ILEGAL DE ARMA DE FOGO

Impacto
Impacto

16 - 6 (1)Uma operação deflagrada por policiais civis da Delegacia Regional de Polícia Civil de Camocim culminou com a prisão de dois adultos e a apreensão de um menor acusados de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo.

 

Segundo informações repassadas pela Polícia Civil, Fábio da Cunha Mota, o “Punho de Aço”, é suspeito de ser um dos maiores traficantes de Camocim e ainda alugar armas de fogo para o cometimento de crime na cidade.

 

Conforme informações nos repassadas pela Regional, há cerca de um ano os policiais da DRPC de Camocim, tendo a frente o Dr. Herbert Ponte, realizavam investigações em torno do indivíduo Punho de Aço e seus modus operandis. Já por volta do meio dia de sexta-feira, 29, o Dr. Herbert Ponte reuniu sua equipe e de forma silenciosa e eficaz se deslocaram até a residência do suspeito, localizada na Rua Xixá, bairro Jardim das Oliveiras, e executaram o mandado de busca e apreensão expedido pela justiça de Camocim. Durante a revista os policiais encontraram 830 gramas de crack puro, um revólver calibre 38 com seis cartuchos intactos, uma boa quantidade em dinheiro, aparelhos celulares e papel alumínio usado para embalar a droga.

02

Na residência os policiais também prenderam um jovem identificado como Francisco Luan Barros do Nascimento, um adolescente de 17 anos irmão do Punho de Aço e um homem com cerca de 50 anos.

 

Todos os envolvidos bem como o material foi levado para a DPC de Camocim onde os procedimentos foram realizados. Contra Fábio da Cunha Mota foi feito o inquérito policial  por crime de tráfico de drogas e posse ilegal de arma de fogo. Contra Francisco Luan Barros do Nascimento foi feito um procedimento por tráfico de drogas. Esses dois foram encaminhados para a cadeia pública de Camocim onde permanecerão à disposição da justiça. Contra o menor foi feito um BOC compatível ao crime de tráfico de drogas e foi liberado. O outro homem foi ouvido no inquérito como testemunha e também foi liberado.

 

03

04

05

06

 

 

 

 

 

 

07

 

 

 

 

 

 

08

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Informações: Camocim Online

 

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.