Notícias

Cearenses apostam em táticas diferentes para suas estreias

Powered by Rock Convert

Ceará e Fortaleza estão às vésperas da estreia na Copa do Nordeste 2013, a primeira competição oficial das duas equipes na nova temporada, onde o objetivo é iniciar bem o ano para testar os novos reforços e apagar os maus momentos protagonizados no ano passado.

O Vozão inicia sua caminhada no Nordestão atuando diante da massa alvinegra, contra o ABC de Natal, no Estádio Presidente Vargas, Hoje, às 16h. Já o Tricolor do Pici viaja até Sergipe, no domingo, onde enfrenta o Confiança, no Estádio Lourival Batista, também às 16h.

Ceará muda para vencer
O Alvinegro apostou na renovação dos ares e trouxe Ricardinho, pentacampeão em 2002 com a Seleção, para o comando da equipe, já que Paulo César Gusmão deixou o Ceará ainda no decorrer da Série B de 2012. O treinador, que ainda é novato no cargo, chegou e trouxe consigo uma nova filosofia de jogo.

Ricardinho vem utilizando como base titular alguns remanescentes de 2012 mais alguns dos novos contratados. Nos treinos o Vozão tem jogado com: Fernando Henrique; Eric, Rafael Vaz, Cleiton e Vicente; Fransérgio, João Marcos, Ricardinho e Válber; Magno Alves e Cléo. João Marcos é o único remanescente da histórica temporada de 2009, que devolveu o Vovô à Série A do Brasileirão.

A diretoria do Vovô, atendendo aos pedidos da torcida, desmanchou o grupo que decepcionou na Série B, inclusive não renovando com alguns jogadores importantes e tidos como titulares à época, casos de Daniel Marques, Luizão, Márcio Careca, Juca, Itamar e Mota. Eusébio e Apodi faziam parte dos planos, porém optaram por defender outros clubes.

Por conta disso, muita gente chegou a Porangabuçu: Carlos Henrique e Thiago (goleiros); Eric e Gerley (laterais); Cleiton, Marlon e Rafael Vaz (zagueiros); Everton e Fransérgio (volantes), Geovani, Luizinho, Ricardinho e Válber (meias); Cléo e Pingo (atacantes).

Leão aposta na continuidade
Ao contrário do arquirrival, o Fortaleza valorizou a boa campanha na Série C, apesar de não ter conquistado o grande objetivo do ano que era o acesso à Segundona. Preferiu dar continuidade ao trabalho mantendo o técnico Vica no comando tricolor e boa parte do elenco.

O treinador, que substituiu Nedo Xavier ainda no início da competição nacional de 2012, conseguiu fazer o Leão ter um padrão de jogo, conquistando a confiança da torcida e da diretoria. Para a estreia no Nordestão, Vica tem escalado a equipe nos treinamentos com: João Carlos; Rafinha, Ciro Sena, Gabriel e Guto; Jackson, Éverton, Carlos Magno e Leandro; Assisinho e Jaílson.

Apesar da continuidade, alguns nomes queridos pela torcida leonina e importantes para o elenco deixaram o time em 2013. Casos de Geraldo, artilheiro do Fortaleza em 2012, Micão, Lopes, Marielson e Cléo, que trocou o Pici por Porangabuçu.  Por outro lado, se alguns deram adeus, outros receberam as boas-vindas: Flávio (goleiro); Luiz Felipe (lateral); Gabriel, Ronaldo Angelim e Felipe Jacques (zagueiros); Éverton, Jackson e Lucas (volantes); Alex Maranhão, Carlos Magno e João Henrique (meias); André Luiz e Leandro (atacantes).

fonte: oestadoce.com.br

About Author

Comment here