Criminalidade que avança no Ceará deixa 272 pessoas assassinadas no mês de abril

Impacto
Impacto

violencia

 

 

De cada 100 homicídios no Ceará, menos de 20 são esclarecidos pela Polícia

 

O Ceará registrou no mês de abril, nada menos, que 272 casos de assassinatos. De acordo com o balanço das ocorrências de homicídios, latrocínios e lesões corporais seguidas de morte, o Interior foi a área de maior registro de crimes de morte, com 131 casos. Em seguida, a Capital, com 75 mortes. Já a Região Metropolitana de Fortaleza  foi palco de 66 execuções.

 

Entre os registros destacam-se  26 adolescentes mortos, 21 mulheres assassinadas, além de 13 casos de latrocínios (roubos seguidos de morte), quatro homicídios em presídios, além de dois policiais mortos e seis pessoas que perderam a vida em confronto com a Polícia. Pelo menos dois estrangeiros (um norueguês e um francês) figuram na lista dos assassinados no mês.

 

Também no mês de abril foram registrados, pelo menos, oito casos de duplos homicídios.

 

Veja, a seguir, os números dos homicídios no Ceará em abril de 2016:

 

Homicídios por região do Estado

 

– Capital …………………………..   75

 

– Região Metropolitana …….     66

 

– Interior ………………………..    131

 

Total ………………………………  272

 

Homicídios por registros específicos

 

– Adolescentes assassinados  ……………….    26

 

– Mulheres assassinadas   ……………………    21

 

– Assassinados em latrocínios  ………………   13

 

– Duplos homicídios  ……………………………     8

 

– Mortos em confronto com a Polícia ……..   6

 

–  Assassinados em unidades prisionais  …..  4

 

– Policiais assassinados   ………………………..  2

 

– Estrangeiros assassinados   ………………….  2

 

Homicídios na Região Metropolitana de Fortaleza

 

– Fortaleza (75)

 

– Caucaia (18)

 

– Maracanaú (14)

 

– Pacatuba (6)

 

– Aquiraz (6)

 

– Itaitinga (5)

 

– Horizonte (5)

 

– Maranguape (4)

 

– Pacajus (3)

 

–  Eusébio (2)

 

– Chorozinho (1)

 

– Cascavel (1)

 

– Guaiúba (1)

 

TOTAL ……   141 homicídios 

 

 

Informações Ceara Agora

 

 

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.