GranjaNotíciasSaúde

GRANJA NA CAMPANHA JANEIRO ROXO CONTRA A HANSENÍASE

Powered by Rock Convert

16142757_1082305108564494_6564944759529047130_n

16142757_1082305108564494_6564944759529047130_n

 

 

 

A Secretaria Municipal de Saúde de Granja estará desenvolvendo ao longo deste mês, a campanha ‘Janeiro Roxo’. Uma grande mobilização de saúde preventiva e luta contra a Hanseníase que acontece simultaneamente em todo mundo.

 

Segundo o Coordenador da Vigilância em Saúde, Diego Duarte, o objetivo é promover ações de divulgação e alertas à sociedade sobre os sinais e sintomas da doença, e incentivar a procura pelos serviços públicos de saúde.

 

Estão sendo programadas palestras nas Unidades Básicas de Saúde, Veiculação de Informes nos Veículos de Comunicação, Ações de Busca Ativa de Casos, Panfletagem e Atividades de Educação em Saúde que favoreçam a redução do estigma e do preconceito sofrido pelas pessoas acometidas pela doença.

 

“É importante que as pessoas saibam que a hanseníase tem cura e que o tratamento é gratuito, e está disponível em todas as unidades básicas de saúde do da sede do município e do interior”, salientou a Secretária de Saúde do Município, Marina Frota. .

 

A hanseníase é doença infecciosa, crônica, causada por uma bactéria – M. leprae – e que afeta a pele e os nervos periféricos, em especial os dos olhos, braços e pernas. A hanseníase tem cura e se tratada precocemente e de forma adequada, pode evitar as incapacidades e as seqüelas.

 

Qualquer mancha na pele ou área de pele aparentemente normal, mas com alteração de sensibilidade, pode ser hanseníase. Neste caso o paciente deve procurar uma unidade básica de saúde de seu bairro para confirmar o diagnóstico e iniciar o tratamento.

 

Prevenção:

 

A melhor forma de prevenir a doença é mantendo o sistema imunológico eficiente. Ter boa alimentação, praticar atividade física, manter condições aceitáveis de higiene também ajudam a manter a doença longe, pois, caso haja contato com a bactéria, logo o organismo irá combatê-la.

 

Outra dica importante é convencer os familiares e pessoas próximas a um doente a procurarem uma Unidade Básica de Saúde para avaliação, quando for diagnosticado um caso de hanseníase na família. Dessa forma, a doença não será transmitida nem pela família nem pelos parentes próximos e amigos.

About Author

Comment here