GRANJA: TRAGÉDIA NA CE-085! CRIANÇA DE TRÊS ANOS E AVÓ MORREM APÓS SEREM ATROPELADAS POR PAJERO. POPULAÇÃO SE REVOLTA E ATEIA FOGO NO VEÍCULO

Impacto
Impacto

IMG-20170717-WA0082

 

 

Uma verdadeira tragédia aconteceu no final da tarde de domingo, 16, no município de Granja. Uma senhora de 50 anos e uma criança de apenas três anos morreram vítimas de atropelamento e o caso revoltou a população.

 

Sinistro

 

A senhora Ednelda Eugênia de Oliveira, 50 anos, passeava de bicicleta com sua netinha identificada como Geovana Neiva Oliveira dos Santos, de apenas 03 anos. Já Na CE-085, no Bairro São Raimundo, próximo a subestação da Coelce, uma Pajero de cor prata trafegando em alta velocidade colheu violentamente a netinha e a avó. As duas foram arremessadas pra longe. Rapidamente as duas vítimas foram socorridas por uma viatura da polícia para a UPA 24h, local onde infelizmente a criança já deu entrada sem vida. Sua avó foi transferida para a Santa Casa de Sobral mais também não resistiu aos graves ferimentos e veio a óbito.

 

 

Revolta

 

Segundo informações repassadas pela polícia para o Camocim Polícia 24h, após o acidente populares teriam visto três pessoas saindo da Pajero e fugindo do local sem prestar socorro às vítimas. Aquele fato gerou revolta na população e rapidamente atearam fogo no veículo. A polícia foi acionada para o caso iniciou as diligências à procura dos acusados, no entanto, até o fechamento dessa matéria eles não haviam sido localizados.

20106787_951780028296629_1591784187758989801_n

Camocim Polícia 24h

 

Lá vou eu:

 

”É lamentável termos que conviver com esse tipo de descaso. Eu fui vitima também e sou testemunha que a Câmara de vereadores atendendo os requerimentos dos Vereadores Antônio José de Sousa Albuquerque, Jarbas Junior, Deoclécio, Pedro Bodega, Nicanor, Saúde Teles, Veridiano (Fanta)  e os Exs Vereadores Falbe Teles e  Raimundo Felix na gestão passada   já enviaram aos órgãos competentes pedindo redutor de velocidade em todo esse trecho da CE-085 que passa na Zona Urbana, bem como semafaro, mais infelizmente até hoje o que temos por certeza é que nada foi feito e temos que presenciar cenas cruéis como essas. Ate quando?”

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.