NotíciasPoliciaPolítica

Instituto Maria da Penha divulgará primeiros dados de pesquisa sobre Mulher e Violência Doméstica

Powered by Rock Convert

mariadapenjha-625x352

mariadapenjha-625x352

 

 

A farmacêutica Maria da Penha, que dá nome à lei em defesa da mulher.

 

O Instituto Maria da Penha (IMP) realiza, em parceria com a Universidade Federal do Ceará e o Instituto para Estudos Avançados de Toulouse (IAST/França), a Pesquisa de Condições Sócio Econômicas e Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher – PCSVDFMulher. A coordenação é do professor-doutor José Raimundo Carvalho (CAEN/UFC). Os primeiros dados serão apresentados em coletiva, nos dias 8, às 18h30min, e 9, às 19h30min, no Hotel Mareiro, em Fortaleza.

 

O estudo, que ocorre no momento em que a Lei Maria da Penha completa 10 anos, contará com especialistas de instituições como a Escola de Economia de Toulouse (TSE/França), UFC, Universidade de Oxford (Reino Unido) e Banco Mundial (USA). O projeto é financiado pela Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) e tem a parceria do Banco Mundial e da Universidade de Toulouse, na França.

 

A pesquisa longitudinal será realizada em duas ondas (2016 e 2017), nas nove capitais da Região Nordeste. Tal estudo representa o maior sobre esse tema, quanto à sua escala, em toda a América Latina. Serão mais de 10 mil famílias pesquisadas.

 

Ao longo desse processo, será observado de que forma se apresentam atitudes de violência doméstica nesses grupos familiares com o intuito de entender a violência doméstica dentro de várias perspectivas, aprofundando os conhecimentos sobre o tema, auxiliando no desenvolvimento de políticas públicas que possibilitem sua diminuição no Brasil, bem como servindo de fundamento para todas as organizações que trabalham com o assunto e fonte para estudos e trabalhos acadêmicos.

 

Informações: O Povo

 

About Author

Comment here