CidadesNotíciasPoliciaPolíticaSaúde

MPCE vai apurar se prefeito de Jijoca de Jericoacoara furou fila de vacinação contra a Covid-19

Powered by Rock Convert

Lindberg Martins (PSD) será oficiado para prestar esclarecimentos, de acordo com o órgão; outros gestores municipais também têm sido questionados por já terem recebido a vacina

Em meio a polêmicas envolvendo a vacinação de gestores públicos contra a Covid-19,em Jijoca de Jericoacoara, na Região Norte do Ceará, a promotoria de Justiça da cidade instaurou um procedimento investigativo, nesta sexta-feira (22), para apurar se o prefeito Lindberg Martins (PSD) furou a fila do grupo prioritário para a imunização. 

Uma foto do prefeito sendo supostamente vacinado contra a Covid-19 circula em redes sociais. Outros gestores públicos que tomaram a primeira dose da Coronavac, produzida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan (SP), também têm sido questionados pela população.

O Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) informou, por meio de nota, que a promotoria de Jijoca não recebeu formalmente nenhuma representação contra o prefeito, mas disse que, após tomar ciência do suposto caso, um procedimento foi aberto. O órgão acrescenta ainda que o prefeito será oficiado para prestar esclarecimentos.”A promotoria adotará as medidas e providências cabíveis para investigação e eventual responsabilização”, conclui o MPCE na nota.

A Prefeitura de Jijoca foi procurada pela reportagem para se pronunciar sobre o caso, mas ainda não respondeu.

Início da vacinação

Na primeira fase da vacinação, os grupos prioritários são formados por profissionais de saúde com atuação na linha de frente contra a Covid-19, pessoas com mais de 75 anos, idosos com mais de 60 que residem em instituições de longa permanência e indígenas.

Ao todo, o Ceará recebeu 218 mil doses no primeiro lote da Coronavac, disponibilizado na última segunda-feira (18) pelo Governo Federal. A “furada de fila” pode ser enquadrada como crime de improbidade administrativa.

Na Região Metropolitana de Fortaleza, os prefeitos de Eusébio, Acilon Gonçalves (PL), e de Aquiraz, Bruno Gonçalves (PL), que são médicos, também tomaram a vacina e receberam questionamentos nas redes sociais.

Bruno Gonçalves chegou a responder um comentário ao publicar uma foto do momento: “Faço partos quase todos os dias da semana no Hospital Municipal de Aquiraz. Por isso recebi a vacina. E fiz isso também para incentivar as pessoas a se vacinarem”, justificou. 

Diário do Nordeste

About Author

Comment here