PARCERIAS DEVEM GARANTIR REALIZAÇÃO DO CARNAVAL DE CAMOCIM

admin
admin

A forma como a Prefeita Monica Aguiar (PSB) encontrou a Prefeitura de Camocim, em todos os seus aspectos, sobretudo o financeiro, já seria suficiente, segundo informações repassadas à imprensa local, através de suas entrevistas, para que declarasse que a prefeitura não teria como promover um carnaval. Por outro lado, o carnaval não é só uma festa popular, mas acima de tudo, uma forma de girar a economia de uma cidade, que sobrevive praticamente da renda de aposentados, pensionistas, de benefícios do governo federal como bolsa-família, e dos rendimentos de quem vive do emprego de prefeitura.

O carnaval, esse movimenta hotéis, pousadas,  restaurantes, bares, barraqueiros, e ainda ajuda na renda extra de pessoas que alugam suas casas para foliões. Por tudo isso, sabendo que a festa é uma forma de gerar renda, e disso o município precisa e muito, soubemos que a Prefeita Monica Aguiar (PSB) teria confirmado a realização do carnaval. Através de sua assessoria, fomos informados que ela está em busca de parceiros da iniciativa privada e pública, para que eles possam fazer com que a festa se realize, já que, com a situação de emergência administrativa em que se encontra o município, pouco ou quase nada poderá ser bancado pela prefeitura, mesmo porque, segundo Monica, “a prioridade hoje de nossa administração é o pagamento dos salários dos servidores. É isso que estamos tentando de todas as formas, resolver”.
O atraso está sendo gerado, como vem sendo amplamente divulgado na imprensa local e estadual, pelo caos administrativo deixado pelo Ex-Prefeito Chico Vaulino, que ontem mesmo, foi apontado pelo seu próprio contador, como sendo o responsável por não ter deixado dinheiro em caixa para pagar o salário de dezembro dos servidores. Além disso, na primeira cota do FPM, relativo ao dia 10 de Janeiro de 2013,  o INSS “arrastou” R$ 600 mil de parte de uma dívida deixada por ele. Ninguém sabe ainda o valor total de mais esse rombo. Diante de tudo isso, como fazer um carnaval à altura de Camocim? Por outro lado, como deixar de fazer algo que traz renda e benefícios para tantas pessoas? Enfim, a festa pelo jeito vai acontecer, de forma comedida, mas vai acontecer, e em grande parte, graças aos parceiros que venham a apostar em Camocim. De acordo com informações da assessoria da Prefeita, ela deve se pronunciar novamente a respeito da situação da prefeitura, e certamente do carnaval, no meio da próxima semana.
Postado por Tadeu Nogueira
Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.