Passou o rodo

admin
admin

Em um domingo de atuação tática quase impecável, o Ceará venceu o Fortaleza por 3 a 0, em partida disputada no estádio Presidente Vargas. Com a vitória, o Alvinegro conseguiu grande vantagem para garantir a vaga na final do Campeonato Cearense, além de um dos dois lugares na Copa do Nordeste de 2013. Com gols de Mota, Rafael Vaz e Magno Alves, o resultado obriga o Tricolor do Pici a vencer por quatro gols de diferença para reverter a situação.  As duas equipes iniciaram a partida arriscando chutes de longa distância. Rafinha foi o primeiro a tentar. De longe, o lateral-direito do Fortaleza bateu, mas Fernando Henrique defendeu com tranquilidade. Aos 4 minutos, Válber criou chance para o adversário, também de fora da área. Contudo, a bola passou por cima do gol de João Carlos.  Mais disposto na criação, o Leão passou boa parte do primeiro tempo no campo ofensivo. Ronaldo Angelim apareceu no ataque pelo lado direito. O zagueiro cruzou para o meio da área, mas João Marcos evitou que a bola chegasse a um dos atacantes do Fortaleza.  Quando o Tricolor era melhor no jogo e tentava criar mais oportunidades, o Ceará aproveitou uma bobeira de Éverton para abrir o placar. Aos 31 minutos, Magno Alves conseguiu o domínio após recuou desastroso do volante do time do Pici. O camisa 11 deu passe de calcanhar para Mota fazer 1 a 0. Após o gol, o Alvinegro se postou mais na defesa. Porém, o Fortaleza não conseguia o empate.

Segunda etapa do Ceará

Na volta do intervalo, o Ceará continuou com uma retaguarda imponente. Enquanto o Fortaleza não conseguia criar, muito pela atuação segura das principais peças defensivas do Vovô, o ataque do time de Porangabuçu começou a aparecer com eficiência no jogo. Magno Alves, aos 7 minutos, tentou de fora da área. Foi o ensaio para o segundo gol da equipe. O Fortaleza ainda tentou igualar o placar com Jussimar, que chutou para fora. Logo em sequência, Ricardinho bateu em cobrança de falta, Mota desviou e João Carlos rebateu. A bola sobrou na entrada da área para Rafael Vaz chutar de primeira e ampliar o placar.  O gol desnorteou o Tricolor, que ficou dominado pelo arquirrival. No fim, aos 37 minutos, Luiz Henrique armou jogada rápida, deu assistência para Magno Alves chutar cruzado e fechar o placar: 3 a 0.

http://www.opovo.com.br

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.