CidadesPoliciaPolítica

PF no Ceará investiga fraudes em benefícios da Previdência durante pandemia; advogado é alvo

Powered by Rock Convert

Na manhã desta quinta-feira (25), foram cumpridos um mandado de prisão e quatro de busca e apreensão em endereços do advogado, nas cidade de Tauá e Catarina

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta quinta-feira (25) a Operação Fantasmas, a partir da qual foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão e um de prisão preventiva contra um advogado, nas cidades cearenses de Tauá e Catarina, na região do sertão dos Inhamuns. Ele, cujo nome não foi revelado, é investigado por supostas fraudes previdenciárias.

Os mandados foram cumpridos em endereços do advogado e expedidos pela 25ª Vara Federal Justiça Federal de Iguatu.  

De acordo com as investigações da Polícia Federal, o suspeito criou 17 pessoas físicas fantasmas para receber indevidamente o Benefício Assistencial ao Idoso (BPC), além de inserir informações falsas no CadÚnico.

Além disso, ele ainda recebeu o auxílio emergencial pago pelo Governo Federal, tendo em vista que estava com cadastros no CadUnico.

As buscas foram acompanhadas por representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

DN

About Author

Comment here