Piloto encontrado sem vida em Granja morreu de infarto, diz laudo da Pefoce

Impacto
Impacto

O piloto de motocross Daniel Santos, que estava no Ceará disputando o Cerapió, competição de Rally, quando se perdeu numa trilha e acabou sendo encontrado sem vida em Granja faleceu de um infarto. A informação foi divulgada nesta segunda-feira, 7, pela Perícia Forense do Ceará (Pefoce).

Após ser localizado, o corpo do piloto foi encaminhado para o Núcleo de Perícia Forense da Região Norte, em Sobral, e passou por exames cadavéricos realizados pela equipe do Núcleo de Tanatologia Forense (Nutaf) da Coordenadoria de Medicina Legal (Comel). Durante a avaliação macroscópica, ou seja, a olho nu, não foram encontradas lesões externas que justificassem o óbito. O médico perito legista da Comel então solicitou exames mais detalhados que foram realizados na sede da Pefoce, em Fortaleza.

Partindo para uma avaliação microscópica, o médico perito legista Anderson da Silva Costa, supervisor do Núcleo de Patologia Forense, informou que recebeu amostras e avaliou órgãos e tecidos da vítima, onde foi constatada a alteração no coração e lesão cardíaca provocada por um infarto agudo do miocárdio. O laudo do Nupaf foi anexado junto ao laudo cadavérico e encaminhado para a investigação do caso, a cargo da Delegacia Municipal de Granja.

Daniel era empresário tinha lojas em cidades do Espiríto Santo e foi enterrado no dia 30 de janeiro, em São Mateus-ES, sua terra Natal. Na semana passada, sua esposa, Aline Natale, revelou que estava grávida. Além da viúva e do bebê que está no ventre, o empresário deixou 3 filhas pequenas.

Ceara Agora

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.