NotíciasPolítica

PT nega envolvimento de Luizianne em vazamento de emails

Powered by Rock Convert

PT-Picuí

PT-PicuíDurante reunião do Diretório Municipal do PT,  sábado (6), lideranças da sigla defenderam a coragem do deputado federal Eudes Xavier (PT) por apresentar denúncia de suposta espionagem por parte dos irmãos Ferreira Gomes, na última quinta-feira. O partido saiu em defesa também da ex-prefeita Luizianne Lins, presidente estadual do PT, rechaçando qualquer possibilidade de envolvimento no vazamento de supostos e-mails do governador Cid Gomes (PSB).   O encontro foi realizado na sede da Federação dos Trabalhadores Empregados e Empregadas no Comércio e Serviços do Estado do Ceará (Fetrace), com o objetivo de avaliar os 100 primeiros dias de gestão do prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PSB). Contudo, um dia após o governador Cid Gomes (PSB) ter ido à Assembleia para se defender das acusações de espionagem, o tema permeou a discussão entre os petistas.  De acordo com o presidente municipal da sigla, Raimundo Ângelo, a denúncia chegou ao gabinete do deputado Eudes Xavier, que “fez o que todo parlamentar sério deve fazer: denúncia”, e, agora, os fatos terão que ser apurados. Segundo ele, o governador goza de maioria absoluta na Assembleia, é um direito de Cid se defender, mas, pelo tempo que passou na tribuna, Ângelo considera que o poder legislativo foi “sufocado”. “Achei a posição do governador muito autoritária e arrogante, muitas vezes, em muitas falas”, criticou, acrescentando que não tem interesse em desgastar a imagem de Cid. Segundo ele, quem conhece Luizianne sabe que ela não seria capaz de vasculhar os emails do governador. O candidato derrotado nas eleições municipais de 2012, Elmano de Freitas (PT) rebateu as críticas feitas por Cid a Eudes Xavier. “O governador Cid Gomes pode ser um homem muito sério, mas mais sério do que o deputado Eudes Xavier, ele não é. Conheço Eudes há mais de 20 anos”.   Segundo ele, “há informações na denúncia do Eudes Xavier que no mínimo geraram dúvida” e “está mal explicada a história do governador”. Ele comentou nota divulgada nesta sexta, pelo deputado federal José Guimarães, afirmando que a fala de Eudes não representa a opinião da bancada cearense do PT na Câmara, nem do Diretório Regional. “De fato, o Eudes não pediu permissão a ninguém, o que é bom, porque ele deve satisfação ao seu eleitor. Ele não deve satisfação a outro deputado do PT. Tinha denúncia na mão grave e apresentou com muita coragem”.  Conforme Elmano, é razoável que, diante de uma denúncia grave, haja apuração, interesse demonstrado também pelo governador. “Ele quer que apure. Talvez seja bom o governador orientar sua base a fazer CPI na Assembleia, para apurar os fatos. Aí eu acho que a gente consegue desvendar os fatos”, sugeriu.

(O POVO)

About Author

Comment here