Alunos fazem protesto contra falta de merenda e bloqueiam vias em SP

Impacto
Impacto

destak

 

 

Centenas de estudantes de escolas técnicas do estado de São Paulo fazem um protesto na manhã desta quarta-feira (20) contra a falta de merenda em São Paulo. A manifestação bloqueou a Avenida Tiradentes, a Rua da Consolação e a Avenida Paulista, no Centro de São Paulo. A Polícia Militar acompanha a manifestação.

 

O grupo chegou bloquear o sentido Paraíso da Paulista, depois liberou a pista e fechou também o sentido Consolação entre o Masp e a Rua Pamplona. Os dois sentidos da Avenida Paulista foram liberados às 13h20.

 

Os manifestantes protestam contra corte de 78% no investimento de novas Etecs, a falta de reajuste dos professores e o fato de o número de estudantes de ensino médio nas Etecs ter aumentado sem que o abastecimento de merenda seja proporcional. O Centro Paula Souza foi procurado pelo G1 para informar sobre a merenda nas unidades.

 

“Os professores deixaram de ganhar bônus e nós estamos sem merenda. O aluno vai para a Etec e passa 8 horas lá dentro sem comida, porque na cantina as coisas são caras, tem que dar suporte para estudarmos e a merenda”, diz Augusto Santos, da Etec Parque da Juventude e um dos coordenadores do protesto.

 

Por volta de 11h30 os estudantes chegaram à Praça da República, onde fica a sede da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo, e, em seguida, subiram a Rua da Consolação.

paulistapro

republica3

republica1

protesto-merenda1

protesto6

protesto

 

Informações: G1

 

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.