Camilo Santana é nomeado para equipe de transição de Lula

Impacto
Impacto

O senador eleito pelo Ceará vai participar do grupo de trabalho da área de Desenvolvimento Regional

O senador eleito pelo Ceará, Camilo Santana (PT), foi nomeado para a equipe de transição governamental do presidente eleito, Luiz Inácio Lula da Silva (PT). Ele é o sexto cearense a compor o grupo.

Além do ex-governador, até esta terça-feira (15), foram convocados Rubens Linhares Mendonça Lopes, do diretório estadual do PT; a jornalista e professora universitária Helena Martins; o ex-prefeito de Sobral e marido da governadora Izolda Cela (sem partido), Veveu Arruda; o ex-senador José Pimentel (PT), e a ex-assessora do Ministério da Educação e coordenadora de Planejamento e Políticas Educacionais da Secretaria da Educação do Ceará (Seduc), Jaana Flávia Fernandes Nogueira.

Camilo vai compor a equipe chefiada pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) para coordenar a transição da área de Desenvolvimento Regional. Veja a lista completa dos integrantes:

  • Camilo Sobreira de Santana, ex-governador do Ceará e senador eleito
  • Esther Bemerguy de Albuquerque, economista
  • Helder Zahlut Barbalho, governador do Pará
  • Otto Roberto Mendonça de Alencar, senador
  • Randolfe Frederich Rodrigues Alves, senador
  • Tânia Bacelar de Araújo, socióloga

A informação foi confirmada pelo Diário do Nordeste com fontes próximas ao senador eleito. Além disso, consta em uma portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU) e assinada pelo vice-presidente eleito e coordenador da transição governamental, Geraldo Alckmin (PSB).

O senador eleito Camilo Santana em entrevista coletiva
Legenda: Camilo é o quinto cearense indicado para a equipe de transição do Governo.Foto: Thiago Gadelha

Não se sabe ainda quando exatamente o ex-governador deve iniciar os trabalhos.

CEARENSES NA TRANSIÇÃO

Além de Camilo, que ficará responsável pela área de Desenvolvimento Regional, os outros cearenses que compõem a transição governamental estão distribuídos nas áreas de Educação (Veveu Arruda e Jaana Flávia), Direitos Humanos (Rubens Linhares) e Comunicação (Helena Martins).

O ex-senador José Pimentel deve assumir cargo especial.

DN

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.