Deputados estaduais e federais do PDT, rompidos com grupo de Ciro, prestigiam de Cid e Izolda ao PSB

Camocim Cidades Educação Granja Notícias Política

Deputados estaduais e federais eleitos pelo PDT e que romperem com o grupo do ex-presidenciável Ciro Gomes prestigiaram, neste domingo (4), o ato de filiação do senador Cid Gomes e da ex-governadora Izolda Cela ao PSB. São 9 deputados estaduais que tiveram a desfiliação barrada pelo PDT, mas que estão decididos a brigar na Justiça para se transferir para o PSB.


O presidente da Assembleia Legislativa, Evandro Leitão, se antecipou, ganhou na Justiça o direito de se desfiliar do PDT e se filiou ao PT. A carta de anuência que permitia aos parlamentares trocarem de legenda sem prejuízo ao mandato foi suspensa pela atual Comissão Provisória Regional do PDT.


O grupo é formado pelos deputados estaduais Salmito Filho, Sérgio Aguiar, Marcos Sobreira, Romeu Adligueri, Lia Gomes, Oriel Nunes, Guilherme Landim, Osmar Baquit e Jeogá Mota. O bloco tem, ainda, cinco suplentes – Antonio Granja, Guilherme Bismarck, Bruno Pedrosa e Helaine Coelho.


BANCADA FEDERAL


Quatro dos cinco deputados federais eleitos pelo PDT em 2022 – Mauro Filho, Eduardo Bismarck, Robério Monteiro e Idilvan Alencar, estão, também, sintonizados com o Ministro da Educação, Camilo Santana, e seguem à orientação do senador Cid Gomes. Nesse grupo, estão, também, os suplentes Leônidas Cristino e Ana Paula.

Ceara Agora

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *