Ex-prefeito de Martinópole é preso pela Polícia Federal suspeito de compra de votos

Impacto
Impacto

James Bell alega inocência

O ex-prefeito de Martinópole, James Bell, foi preso neste domingo (2) pela Polícia Federal (PF) sob a suspeita de compra de votos. No momento da captura, James Bell estava com dinheiro na cueca e santinhos e utilizava um veículo do Centro de Referência de Assistência Social (Cras).

Preso em Martinópole, cidade onde foi prefeito, James Bell foi primeiro levado ao fórum do município. Porém, a Polícia Federal está transferindo o ex-gestor para Camocim.

James Bell alega inocência. Mas a PF o recolheu com as provas de crime eleitoral.

Em tempo

Uma vereadora de Aquiraz também foi presa nessas Eleições com santinhos de candidatos em R$ 100 mil em dinheiro vivo.

Por : Redação CN7

Share this Article
Leave a comment

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.